5 áreas de atuação para o profissional de Educação Física

Profissões | 12 de novembro de 2021

Na escola, qual era sua disciplina preferida? Se você está aqui, provavelmente, Educação Física já passou pela sua cabeça. E, com certeza, você lembra o nome de um(a) professor(a) super gente boa que deixava as aulas muito mais divertidas por meio das atividades esportivas.

Fique sabendo que a área da Educação Física vai muito além da sala de aula. A sociedade entendeu que qualidade de vida está, sim, relacionada com o movimento do corpo humano. Por isso, cada vez mais, a empregabilidade aumenta e as possibilidades de atuação se expandem.

Antes de tudo, você precisa entender que a graduação em Educação Física é ofertada em dois graus: licenciatura e bacharelado, cada qual com especificidades e um direcionamento de carreira.

 

Bacharelado ou licenciatura: qual escolher?

A licenciatura é voltada para o Ensino, ou seja, prepara professores para lecionar na Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio. Por isso, durante a graduação de Educação Física, o aluno aprenderá sobre metodologias, práticas escolares, didáticas etc.

O profissional que escolhe o bacharelado não pode dar aula, no entanto, ele conta com um campo de atuação diversificado que envolve o cuidado com a saúde.

Nos dois graus, geralmente, o curso tem duração de quatro anos. Além das práticas esportivas, a grade curricular engloba disciplinas como Biologia, Cinesiologia, Anatomia e Biomecânica.

É importante dizer que há cursos de complementação pedagógica. Assim, se você escolher licenciatura, posteriormente, poderá fazer uma complementação para se tornar um bacharel, e vice-versa. A seguir, confira as oportunidades que o mercado de trabalho oferece para esse profissional.

 

Educação Física no mercado de trabalho

Você sabia que a qualidade de vida da população está relacionada com a prática de atividades físicas? Pessoas sedentárias ficam mais suscetíveis a doenças como: hipertensão, problemas cardiovasculares, atrofia muscular, distúrbios do sono etc.

O esporte, a dança e outras formas de movimento contribuem para o bem-estar físico e mental. No entanto, a prática dessas atividades, sem o acompanhamento de um profissional qualificado, pode causar lesões, dores e fazer mais mal que bem. 

Assim, o profissional formado em Educação Física, além de muito requisitado, é valorizado no mercado de trabalho. Entre as possibilidades de atuação, estão:

1. Ensino e Pesquisa

Os profissionais licenciados podem trabalhar na área da Educação. Eles são responsáveis por ensinar e incentivar a prática de atividades físicas, esportes, jogos etc. Com o diploma de Graduação, podem atuar na Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio. Com especialização, Mestrado ou Doutorado, podem lecionar no Ensino Superior.

Na área da pesquisa, tanto os profissionais bacharéis quanto os licenciados encontram ótimas oportunidades, seguindo carreira acadêmica ou trabalhando em institutos, empresas etc.

2. Saúde e Reabilitação

Na área da Saúde e Reabilitação, o profissional trabalha com pacientes que sofreram lesões, passaram por cirurgias ou estão com alguma limitação física.

Essa é uma área em crescimento. Geralmente, o trabalho é multidisciplinar, isto é, o educador físico atua em parceria com outros profissionais, em clínicas, hospitais e centros de fisioterapia, a fim de promover qualidade de vida para o paciente.

3. Esportes

Todo time precisa de um bom treinador! O Educador físico pode trabalhar com a preparação de equipes esportivas, lutadores, crossfit, pilates, corrida de aventura etc.

O esporte está entre os seguimentos da Educação Física que mais crescem atualmente. Em busca de qualidade de vida, as pessoas procuram ajuda profissional para praticarem uma atividade esportiva com segurança e qualidade.

4. Academia

Se o empreendedorismo é o seu sonho, abrir uma academia pode ser o seu negócio. Além de empreender, você também pode ser personal trainer ou instrutor.

Nesse espaço, são inúmeras as atividades ofertadas, por exemplo: musculação, ginástica, natação etc. Para os graduandos, a academia é uma ótima oportunidade de inserção no mercado de trabalho, por meio dos estágios remunerados.

5. Ginástica Laboral

As empresas estão investindo na ginástica laboral com o intuito de promover qualidade de vida para seus colaboradores.

Nessa área, o profissional trabalha com alongamentos, exercícios aeróbicos, dinâmicas, prevenção de acidentes e doenças ocupacionais. Também é possível oferecer mentorias, a fim de incentivar hábitos saudáveis dentro e fora do ambiente de trabalho.

 

Movimente-se! Faça Graduação em Educação Física

São diversas possibilidades de atuação! Agora é com você. Aproveite as bolsas de estudo disponíveis na DecolaEdu e comece sua Graduação em Educação Física.

Separamos as melhores bolsas para você, na modalidade presencial ou EAD. Clique aqui e garanta já a sua!

Leia também

14 de janeiro de 2022

O ALFACE OU A ALFACE

Alface é um substantivo feminino, por isso, a única...

Continuar lendo
12 de janeiro de 2022

CONHEÇA OS 3 CURSOS DE HUMANAS MAIS BEM PAGOS

Muitas vezes, os cursos de humanas são mal compreendidos,...

Continuar lendo
6 de janeiro de 2022

Esse ou este

Esse e este são pronomes demonstrativos usados para situar...

Continuar lendo